Roteiros / Ecotrips

CANOA & ICAPUÍ: O tesouro escondido do Ceará
2 a 4 dias

DIA 1: De Fortaleza a Canoa Quebrada: off-road pelas praias.
Para aproveitar melhor o dia, saimos cedo para a Praia do Porto das Dunas, famosa por ser palco do maior parque aquatico da América Latina e apartir de lá seguimos pela beira da praia conhecendo todo o litoral leste do estado do Ceará, a Costa do Sol Nascente.

Seguimos pela Prainha, Praia do Presídio onde os portugueses construíram um presídio para aprisionar os invasores holandeses daí o nome. Seguimos pelo vilarejo de pescadores e rendeiras do Iguape, Barro Preto, Batoque, Balbino e Caponga. Em Águas Belas nos deparamos com uma travessia em balsa artesanal pelo Rio Malcozinhado e outra balsa mais a frente em Barra Nova para chegarmos à famosa praia do Morro Branco, onde aparecem os maiores encantos desta costa cearense, as falésias multi-coloridas. Paramos para uma visita guiada por nativos pelo meio do labirinto das falésias. Uma água de côco e várias fotos e seguimos a viagem.

A viagem prossegue por outra praia espetacular, a Praia das Fontes, com suas falésias e fontes de água doce na beira da praia. Paramos para uma refrescante ducha e seguimos pelas praias do Diogo, Uruaú e Sucatinga, onde foi filmada a primeira edição do programa “no limite”, da TV Globo.

Chegamos aos vilarejos de Piquiri, Ariós e à colônia de pescadores da Prainha do Canto Verde, seguimos ainda pela praia do Paraíso e em Parajuru pegamos a estrada de asfalto afim de atravessarmos o Rio Jaguaribe pela ponte que dá acesso à cidade de Aracati, munícipio sede da praia de Canoa Quebrada.
Chegada em Canoa e vamos à praia desfrutar este que já foi o paraíso dos hippies e mochileiros nos anos 70.
No fim da tarde um passeio pelas dunas com direito a esqui-bunda, sandboard e um pôr-do-sol visto de um mirante. Instalamo-nos na pousada e à noite uma volta pela rua Dragão do Mar ou "Broadway", como preferem os locais para desfrutar da gastronomia e diversões noturnas locais.

DIA 2: Ponta Grossa, o tesouro escondido do Ceará.

De acordo com a maré, saímos de Canoa em direção leste para conhecermos um dos mais belos trechos do litoral. Falesias de todos os formatos e cores, pedras coloridas, pequenos vilarejos de pescadores artesanais de lagostas e locais ainda intocados.

Logo na saída, Majorlândia com suas falesias esculpidas por um artesão com as mais diversas formas e figuras, seguimos por Quixaba, Lagoa do Mato, Fontainha, a belíssima Retirinho, Retiro Grande e finalmente.... Ponta Grossa, onde diz a lenda que o navegador espanhol Vicente Pinzón aportou antes mesmo de Cabral em terras brasileiras, mas não pode divulgar seu feito por causa do Tratado de Tordesilhas entre Espanha e Portugal.

Em Ponta Grossa visitamos suas pedras coloridas das mais diversas formas e tamanhos e vamos então disfrutar da hospitalidade do povo local, que conta com muitos descendentes dos invasores holandeses, nativos loiros de olhos azuis, contrastando com o tradicional moreno nordestino. Para o almoço, lagostas fresquíssimas ou um filé de Robalo mais que especial.

Caminhada pelas pedras coloridas e subimos um mirante nas dunas (dependendo da maré) para apreciarmos o pôr-do-sol.
Pernoite em Ponta Grossa ou Redonda.

DIA 3. Ponta Grossa - Fortaleza.

Retornamos a Canoa Quebrada pela beira da praia e de lá até Fortaleza pela praia.

55 (85) +5585999885621 | (085)99885621
email@extremonordeste.com